MARIA CHAPDELAINE (Marie Chapdelaine, 1934)

Uma jovem que mora com sua família na fronteira em Quebec, Canadá, enfrenta as agruras do isolamento e do clima e escolhe entre três pretendentes: um caçador, um fazendeiro e um imigrante de Paris.

Diretor: Julien Duvivier

Estrelas: Madeleine Renaud, Suzanne Desprès, Gaby Triquet 

Gênero: Drama

Idioma: Francês

Legendas: português

Preto e branco

DVD

MARIA CHAPDELAINE (Marie Chapdelaine, 1934)

R$27.00Preço
  • “Maria Chapdelaine” lindamente apóia e sustenta o dom do cineasta francês Julien Duvivier para o “realismo poético”. Basicamente, trata-se de um triângulo romântico simples do século XIX. A canadense Madeleine Renaud é adorada com igual fervor pelo aristocrático Jean-Pierre Aumont e pelo bruto lenhador Jean Gabin. Sua indecisão abre caminho para a tragédia. Sim, Maria Chapdelaine é um pouco antiquada em técnica e material de história, mas esse fato nunca impediu Duvivier de produzir um filme de mérito genuíno. Embora o remake de 1984, dirigido por Gilles Carle, seja superior ao de Duvivier, o filme anterior não deve ser ignorado ”